Dicas de SEO para otimizar seu blog

Na medida que fui estudando sobre blog, encontrei algumas dicas fundamentais para o sucesso dos posts na internet. O bom é que podemos ir multiplicando este conhecimento.

 

Títulos são indispensáveis para definir o sucesso ou fracasso do seu blog.

Sozinhos, podem aumentar o tráfego do seu blog ou site, sem que você precise fazer mudanças no seu conteúdo.

O título é a isca, e se o leitor não “fisgar”, seu trabalho estará sendo jogado no lixo.

E não só seus leitores serão atraídos por seus títulos. O Google também tende a gostar muito deste item.

Exemplos:

  • Título para blog e redes sociais: “Como fazer uma introdução irresistível: simples técnicas de redação para você nunca mais causar uma péssima primeira impressão”

  • Título para SEO: “Como fazer uma introdução com simples técnicas de redação”

  • A palavra-chave precisa estar no título do seu artigo e de preferência logo no início;

  • Não ultrapasse 65 caracteres em seu título, sendo o número “ideal” de 55 caracteres. Isto não significa que seu título não será indexado caso ultrapasse este limite, porém será automaticamente cortado pelo Google;

  • Não use muitas vírgulas em seu título;

  • Se a palavra-chave usada no artigo possui um acrônimo, como SEO, tente usar os dois termos, SEO e Search Engine Optmization, por exemplo no título, para cobrir todas as possíveis buscas;

  • Cada página precisa ter um título exclusivo.

 

Percebe a diferença?

Títulos com a função de aproximar o leitor, precisam ter uma chamada emocional. Quando você estabelece a emoção dos leitores através de um título poderoso, boas são as chances do seu conteúdo viralizar.

Já os títulos voltados para SEO, precisam deixar claro qual é o benefício que o artigo oferece.

E ao contrário dos títulos que usamos no blog, títulos usados no SEO para blog devem respeitar uma limitação de caracteres. Ou caso contrário, seu título será cortado pelo Google.

 

Tópicos e subtópicos

As tags ou tópicos como h1 a h6 não servem apenas para organizar seu texto e dar pontos de entrada para o leitor.

Os mecanismos de busca levam muito em consideração, os tópicos e subtópicos, que você usa em seu texto, na hora de categorizar seu conteúdo e identificar qual o assunto do seu artigo.

Por isso, use este recurso, e fique atento a algumas práticas como:

  • Se possível, use a(s) palavra(s)-chave nos tópicos e subtópicos;

  • Estabeleça apenas uma tag h1 (indicada para títulos) por página;

  • Recomendamos usar até o Heading 3;

  • Não repita textos em tópicos ou subtópicos distintos;

  • O plugin do Yoast recomenda o uso de parágrafos curtos e no máximo de 300 palavras entre um subtítulo e outro.

 

Utilização das palavras-chaves

Algumas dicas rápidas para você considerar no uso de palavras-chave em seus artigos:

  • Estudos do site Moz, mostram que você precisa colocar sua palavra-chave principal nas primeiras 100 ou 150 palavras do seu conteúdo.

  • Além de encaixar a palavra-chave no primeiro parágrafo (mas somente se não comprometer o artigo) procure deixá-la em negrito, o que já chamará atenção de quem lê e dará um motivo a mais para a continuação da leitura;

  • Faça pesquisas no Google Keyword Planner e no Google Trends, ambas ferramentas gratuitas, para conhecer o volume de buscas mensais bem como a variação das pesquisas ao longo do tempo. Para assim entender se vale a pena, ou não, escrever um artigo inteiro sobre o assunto.

 

Espero que essas dicas ajudem você a conseguir mais visitantes e audiência para seu blog assim como estamos conseguindo por aqui. Gostou desse artigo? Lembre-se de compartilhar!

 

Sobre o Autor

Guilherme Vargas trabalha como Consultor de Relacionamento na SAN. Quando não está trabalhando, adora ler e participar de grupos relacionados a tecnologia, também curte jogar vídeo game. Tem como hobby fotografia.

Graduando em Sistemas de Informação - URI Santo Ângelo.

Compartilhe esse post

Comentários (0)

Deixe um comentário