Documentação

O que é Internal Server Error 500

O erro 500 ("Internal Server Error") pode ter diversas causas. Verifique a página Log de Erros ("Error Logs") do cPanel para obter mais informações.

Aqui estão as causas mais comuns do erro 500:

1) Permissões erradas, 'grupo' com permissões de escrita
As permissões de pastas devem ser 0755. As permissões de scripts executáveis dentro da pasta cgi-bin devem ser 0755. Imagens, mídia, arquivos de textos como HTML etc. devem ter permissões 0644.

2) Problemas no .htaccess: comandos inválidos
No arquivo .htaccess, você pode ter adicionado linhas que estão escritas incorretamente, ou entram em conflito entre si. Para verificar se é isso o que está ocorrendo, você pode comentar as linhas presentes no arquivo. Para comentar uma linha do .htaccess, coloque um # no começo da linha. Lembre-se: é sempre uma boa ideia fazer um backup de qualquer arquivo de configuração antes de alterá-lo.

Por exemplo, se o seu .htaccess estivesse assim:
DirectoryIndex default.html
AddType application/x-httpd-php5 php

Você comentaria a segunda linha, deixando assim:
DirectoryIndex default.html
#AddType application/x-httpd-php5 php
 
Linhas escritas incorretamente e linhas que começam com “php_flag” são os erros mais comuns. Se você não conseguir descobrir qual linha está causando o problema, comente todas as linhas.

3) Uso de recursos, nada no Log de Erros
É possível que o erro 500 esteja sendo causado por excesso de processos na fila de processos do servidor. Com acesso shell (SSH), você pode visualizar os processos que, neste momento, estão rodando a partir da sua conta. Simplesmente digite este comando:
ps faux

Ou digite o comando abaixo para visualizar os processos que estão rodando a partir da conta de um usuário específico (substitua usuário pelo nome de usuário real):
ps faux |grep usuário
 
Tendo obtido o ID do processo ("pid"), digite este comando para encerrá-lo (substitua pid pelo ID real do processo):
kill -9 pid


Este artigo lhe foi útil?